Busca Avançada

Justiça Criminal e sistema prisional: Litígio Estratégico e Advocacy


Centro de detenção CASCUV (ES) / 2009

O Projeto de Justiça Criminal e Sistema Prisional busca desestabilizar práticas institucionais de violações sistemáticas de direitos humanos, especialmente nas prisões brasileiras, por meio do liítigo estratégico e ações de incidência (advocacy).

Conectas é responsável por diversas ações jurídicas relacionadas à violência policial e ao sistema prisional – parte delas acessando a ONU e os sistemas regionais de direitos humanos.

Atualmente, Conectas também concentra esforços para combater o uso abusivo da prisão preventiva, e integra uma rede de nove organizações brasileiras que trabalham com o tema.

Desde 2011, Conectas tem uma representação permanente em Brasília (DF) para o monitoramento das iniciativas dos poderes Executivo e Legislativo em matéria de justiça criminal, em parceria com o Instituto Sou da Paz e a Pastoral Carcerária.