Busca Avançada

Negócios responsáveis

Instituições discutem implantação de princípios de direitos humanos em empresas brasileiras

26/09/2017 due dilligence empresas e direitos humanos

O Grupo Temático de Direitos Humanos e Trabalho da Rede Brasil do Pacto Global promoveu, no dia 19 de agosto, a segunda edição do Treinamento de Due Diligence em Direitos Humanos. O objetivo foi desenvolver estratégias para implementar práticas de direitos humanos na rotina de empresas brasileiras.

O evento aconteceu na sede do Conselho Regional de Administração, em São Paulo e reuniu representantes de 56 instituições. Esta é uma das ações promovidas pelo GT de Direitos Humanos e Trabalho, levando em conta as indicações do Relatório de 2015 do GT da ONU sobre Direitos Humanos e empresas.

Para Caio Borges, coordenador do programa de Empresas e Direitos Humanos da Conectas, o enfrentamento das violações nas cadeias produtivas traz benefícios a toda a cadeia de valor das empresas, pois a linha entre as questões de responsabilidade e cumplicidade é muito tênue. “Está muito claro que o momento que vivemos no Brasil e no mundo nos faz pensar para que tipo de sociedade estamos caminhando e qual a relação que deve ser estabelecida entre Estado, sociedade e mercado”, disse.

O treinamento abordou o documento produzido em 2015 pelo GT, do qual a Conectas faz parte junto com outras 40 empresas e organizações. O relatório apresenta diversos casos de violações de direitos humanos por empresas e também aponta possíveis caminhos para reflexão, que foram aprofundados durante o encontro e transformados em ações.

 
0